Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

alma-lusa

alma-lusa

24
Jul22

Pedro Pichardo sagra-se Campeão do Mundo do Triplo Salto

Ouro. Pedro Pichardo campeão do mundo do triplo salto - Renascença

 

Esta madrugada (em Portugal), escutou-se "A Portuguesa", em Eugene, nos Estados Unidos da América, onde decorre o Campeonato Mundial de Atletismo. Pedro Pablo Pichardo sagrou-se campeão mundial do triplo salto e fez soar o hino nacional em terras norte-americanas.

 

O atleta português, que em 2021 conquistou o título olímpico, arrecadou o título mundial ao saltar 17.95 centímtros, logo no primeiro salto. Pichardo saltou 5 vezes, sendo quatro delas válidas e seria sempre campeão mundial com qualquer um dos saltos. 

 

Esta foi a primeira medalha conquistada por Portugal nestes Mundiais e um dos poucos títulos que ainda faltavam conquistar a Pedro Pichardo. 

 

Pedro Pablo Pichardo, de 29 anos, nasceu em Cuba, país de onde desertou em Abril de 2017, durante um estágio da selecção cubana na Alemanha. Uma das maiores promessas do atletismo cubano e do triplo salto, vice-campeão mundial na época, ficou impedido de representar o país a nível internacional e de regressar à ilha durante oito anos. Alguns dias depois da deserção, soube-se que o seu destino seria Portugal. No final do ano, naturalizou-se português, ao abrigo do estatuto de refugiado, mas teve de esperar quase um ano e meio para poder representar Portugal, o que veio a acontecer em Agosto de 2019, tendo vencido no Europeu de Nações de Atletismo. Ainda em 2019, ficou em 4º lugar nos Mundiais de Atletismo ao Ar Livre. Em Março de 2021, sagrou-se campeão europeu em Pista Coberta e, em Agosto do mesmo ano, conquista o título de campeão olímpico. Junta agora o título de campeão mundial de atletismo ao ar livre. 

 

PARABÉNS, PEDRO PICHARDO!!! PARABÉNS, PORTUGAL!!!

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2011
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2010
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub