Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

alma-lusa

alma-lusa

02
Dez16

LETRAS LUSAS: "Eça de Queiroz em Casa", de Irene Fialho

eça.jpg

 

 

Organização e Transcrição: Irene Fialho

Editora: Editorial Presença

 

Sinopse: Os textos e desenhos que aqui se publicam são, na sua maioria, inéditos, provenientes de álbuns que estiveram mais de cem anos escondidos do público. Mesmo nos poucos casos em que os textos e as imagens já se encontravam publicados, nunca foram coligidos numa edição que restituísse a sua forma original. Estes álbuns não só nos revelam uma faceta quase desconhecida de Eça de Queiroz, a de desenhador, como nos permitem uma visão única do círculo familiar e de amigos em que o grande escritor viveu. Desde autocaricaturas a poemas escritos ao desafio, passando por retratos de perfil, partituras e até o desenho de um diabo nu, somos levados aos serões íntimos que Eça de Queiroz partilhava com os seus.

 

 

Irene Fialho nasceu em Lisboa, em 1967. É licenciada em Línguas e Literaturas Modernas e Mestre em Literaturas Comparadas. Tem-se dedicado ao estudo da obra de Eça de Queiroz com especial incidência nos manuscritos do autor. Desta tarefa resultaram os volumes de edição crítica Alves & Cia. (1994), Almanaques e outros dispersos (2011), e A correspondência de Fradique Mendes (2014), tendo em finalização O Conde de Abranhos. Foi assessora para as Comissões Nacional e Executiva das Comemorações do Centenário da Morte de Eça de Queiroz (2000-2001). Na Biblioteca Nacional publicou a transcrição do manuscrito «Almanaques» (2001) e um estudo arquivístico e filológico sobre «Aquisições Queirosianas» (2007). Da sua actividade de investigação resultou a descoberta e publicação de cinco textos inéditos de Eça de Queiroz (in Almanaques e outros dispersos) e da opereta A Morte do Diabo (2013). Administradora para a Cultura da Fundação Eça de Queiroz desde 2010 e membro do Conselho Cultural da mesma Fundação desde 2002.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub