Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

alma-lusa

alma-lusa

11
Jun16

ESPECIAL SANTO ANTÓNIO - RTP1 e RTP2 (12 e 13 Junho)

Santos Populares na RTP

 

Casamentos de Santo António - RTP1 (domingo, 12 - 10h10 - 13h00/ 16h00 - 20h00)

 

Sílvia Alberto e Herman José apresentam esta emissão especial dos Casamentos de Santo António. Vão estar em directo da Estufa Fria, em Lisboa, local onde irá decorrer o copo d’água, para nos dar a conhecer algumas curiosidades sobre o evento. 

 

A partir das 10h10, com Serenella Andrade, Joana Teles e Isabel Angelino, vamos acompanhar todos os preparativos nos Paços do Concelho e assistir em directo à cerimónia religiosa que terá lugar na Sé de Lisboa.

 

A partir das 16h00, após a transmissão do jogo do Euro 2016 entre a Turquia e a Croácia, os nossos anfitriões Herman José, Sílvia Alberto, Isabel Angelino, Serenella Andrade e Joana Teles irão receber os 16 casais, que estão a viver o seu dia de sonho, numa emissão que se irá prolongar até às 20h00.

 

Marchas Populares - RTP1 (domingo, 12 - 21h10)

 

A festa continua, a partir das 21h10, com a transmissão das Marchas Populares, em directo da Avenida da Liberdade, onde Vanessa Oliveira e José Carlos Malato vão acompanhar o desfile.

 

Santos Populares - Santo António, RTP1 (segunda, 13 - 10h - 13h/ 16h-18h)

 

No dia 13 de Junho, Dia de Santo António, a RTP vai festejar o dia numa emissão especial conduzida por Tânia Ribas de Oliveira e José Pedro Vasconcelos, em directo do Jardim de Belém. Joana Teles vai estar em directo no bairro vencedor das Marchas Populares para acompanhar todos os festejos e emoções vividas pela marcha vencedora.

 

Sociedade Civil - Santo António, RTP2 (segunda, 13 - 14h00)

 

É, provavelmente, o santo mais popular do mundo. Santo António nasceu em Lisboa, mas foi em Itália que o dom da palavra o tornou conhecido. É santo casamenteiro e também padroeiro da cidade de Lisboa. Na próxima segunda-feira, 13 de Junho, celebramos a sua vida no Sociedade Civil.

 

Varinas, um símbolo de Lisboa - RTP2 (segunda, 13 - 23h55)

 

"Varinas, um símbolo de Lisboa" é um documentário que narra a história da presença da comunidade de varinas na cidade, nos leva ao encontro das últimas varinas de Lisboa e nos mostra o fascínio que esta mulher arrojada e desinibida deixou no imaginário alfacinha.

 

A estrutura do documentário insere-se no levantamento de memórias da cidade de Lisboa, assente no projecto de investigação sobre as varinas, realizado pelo Departamento de Património Cultural da Câmara Municipal de Lisboa. Iniciado em 2013 com o registo de testemunhos das últimas varinas de Lisboa, considerando a sua urgência e pertinência para memória futura, seguiu-se uma ampla investigação interdisciplinar. Esta assentou em fontes documentais, gráficas e audiovisuais que permitiu conhecer esta comunidade, as relações entre si, os seus quotidianos, bem como a varina enquanto figura popular, mulher trabalhadora e mãe, cuja liberdade na linguagem, costumes e atitudes na rua cedo captaram variadas atenções, convertendo-se, por mérito próprio, em símbolo da cidade de Lisboa.

 

A sua postura afirmativa e despida de preconceitos, espartilhos ou convenções, o seu carácter desinibido e irreverente, visível no espaço público, surge num contexto onde este era ainda de domínio masculino.

 

A dimensão e atitude desta comunidade varina marcaram de forma indelével a cidade, atribuindo-lhe uma nova fisionomia, onde os seus costumes e tradições foram a marca de uma identidade que atravessou o século XIX e veio a dissipar-se ao longo da segunda metade do século XX, envolta numa melancólica saudade da figura que animava e perturbava a pacatez da Lisboa ainda rural.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub