Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

alma-lusa

alma-lusa

07
Dez20

DOC TV: Eduardo Lourenço - O Labirinto da Saudade (RTP2 - 20h15)

Eduardo Lourenço - O Labirinto da Saudade (Versão Longa)

 

Realização: Miguel Gonçalves Mendes

Argumento: Miguel Gonçalves Mendes, Diogo Figueira e Sabrina D. Marques (a partir do livro homónimo de Eduardo Lourenço)

Música: Noiserv

Produção: Longshot (Vasco Sequeira)

 

Com: Abi Feijó, Adriana Calcanhotto (Brasil), Álvaro Siza Vieira, António Ramalho Eanes, Diogo Dória, Eduardo Lourenço, Gonçalo M. Tavares, Gregório Duvivier (Brasil), Jorge Sampaio, José Carlos Vasconcelos, José Lingna Nafafe (Guiné-Bissau), José Manuel Afonso, Lídia Jorge, Pilar del Río (Espanha/Portugal), Ricardo Araújo Pereira, Sabrina D. Marques, Tiago Reis Marques

 

Sinopse: Miguel Gonçalves Mendes adapta uma das obras mais lúcidas da cultura portuguesa: "O Labirinto da Saudade", de Eduardo Lourenço. Um documentário onde fazemos uma viagem única pelo interior de uma mente brilhante. Uma homenagem a um dos grandes pensadores da portugalidade.

 

Narrado e protagonizado pelo próprio Eduardo Lourenço, "O Labirinto da Saudade" é um documentário que percorre os corredores da sua memória e da História de Portugal. Pelo caminho, cruza-se com fantasmas do nosso passado e amigos do seu presente, figuras marcantes da cultura lusófona como: Álvaro Siza Vieira, José Carlos Vasconcelos, Diogo Dória, Gonçalo M. Tavares, Lídia Jorge, Ricardo Araújo Pereira, Pilar del Río, Ramalho Eanes, Jorge Sampaio e Gregório Duvivier, que assumem o papel de interlocutores e condutores das reflexões escritas em "O Labirinto da Saudade".

 

Aos 95 anos, o escritor e filósofo Eduardo Lourenço projecta pelos espaços da sua memória as perguntas que até hoje nele perduram. Que traumas nos definiram enquanto povo? Quem somos? O que fizemos? Que atrocidades cometemos? Quais os caminhos que podemos seguir? Estas questões são o ponto de partida para "O Labirinto da Saudade", um documentário sobre uma "nação condenada desde a sua origem a esgotar-se em sonhos maiores do que ela própria", mas também a celebração da vida e obra de um dos maiores autores da Cultura Portuguesa.

 

A RTP2 exibe, esta noite, um documentário da autoria de Miguel Gonçalves Mendes que adapta a obra "O Labirinto da Saudade", de Eduardo Lourenço, falecido no passado dia 1 de Dezembro, aos 97 anos.

 

Resultado de imagem para o labirinto da saudade livro

 

Eduardo Lourenço nasceu a 23 de Maio de 1923, em São Pedro do Rio Seco, concelho de Almeida, na região da Beira Alta. Professor, filósofo, escritor e crítico literário, o maior pensador de Portugal e dos portugueses, Eduardo Lourenço é um dos maiores nomes da cultura portuguesa e um dos mais prestigiados intelectuais europeus. Na sua obra mais conhecida, "O Labirinto da Saudade", faz uma psicanálise mítica do destino português. Faleceu a 1 de Dezembro de 2020. 

 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub