Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

alma-lusa

alma-lusa

03
Abr21

CINE TV: O Pai Tirano (TVCine Edition - 22h00)

Antonio Lopes Ribeiro.png

 

Ano: 1941

Realização: António Lopes Ribeiro

Argumento: António Lopes Ribeiro, Francisco Ribeiro, Vasco Santana

Música: Fernando de Carvalho, Raúl Portela

 

Elenco: Vasco Santana, Ribeirinho, Leonor Maia, Barroso Lopes, Graça Maria, Luísa Durão, Laura Alves, Eliezer Kamenesky, Teresa Gomes, Seixas Pereira, Reginaldo Duarte, Armando Machado, Nelly Esteves, Idalina de Oliveira, Arthur Duarte, Emília D'Oliveira, Joaquim Prata, Maria Celeste Leitão, Júlia da Assunção, Sofia Santos, Regina Montenegro, Maria Pinto, Zeca Fernandes, Alice Rodrigues, Artur Rodrigues, Pereira Saraiva, Carlos Barros, Manuel Correia, Mário Fernandes, Henrique de Albuquerque, João Villaret, Francisco de Castro, Armando Chagas, Vasco Morgado, Jacinto Ramos

 

Sinopse: Um fabuloso jogo de duplos sentidos e primorosos diálogos numa comédia inesquecível.

 

Tudo está a postos para representação do Grupo de Teatro do Armazém do Grandela, "Os Grandelinhas", com a peça "O Pai Tirano". Chico Mega (Ribeirinho), um caixeiro do Armazém, descobre que a sua amada, Tatão (Leonor Maia), empregada na perfumaria da Moda, está a voltar a sua atenção para outro homem, Artur de Castro (Arthur Duarte). Quando Chico tenta ganhar de novo o amor de Tatão, uma série de equívocos entre a sua personagem e a vida real leva a um fabuloso jogo de duplos sentidos e primorosos diálogos numa comédia inesquecível.

 

Realizada em 1941 por António Lopes Ribeiro, que também escreveu o argumento e os diálogos, "O Pai Tirano" é uma das mais célebres comédias populares do cinema português.

 

Em Abril, o TVCine Edition exibe o Especial Clássicos: António Lopes Ribeiro.

 

António Lopes Ribeiro (1908-1995) é, ele próprio, a memória do Cinema Português. Entre documentários, curtas e longas-metragens, da sua mente visionária saíram mais de 50 filmes. No mês em que completaria 113 anos, os Canais TVCine prestam-lhe uma homenagem.

 

 

pai tirano.jpg

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub