Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

alma-lusa

alma-lusa

28
Abr16

CINE ESTREIA: "Balada de um Batráquio", de Leonor Teles

balada batráquio.jpg

 

 

Realização e Argumento: Leonor Teles

Produção: Uma Pedra no Sapato

 

Sinopse: Tal como os ciganos, os sapos de loiça colocados à entrada de casas e estabelecimentos comerciais não passam despercebidos a um olhar mais atento. Este filme (curta-metragem documental de 11 minutos) consiste num acto interventivo e social contra o significado simbólico e real contido nesses mesmos sapos. "Balada de um Batráquio" surge assim num contexto ambíguo. Um filme que intervém no espaço real do quotidiano português como forma de fabular sobre um comportamento xenófobo. 

 

Pémios: Urso de Ouro para Melhor Curta-Metragem no Festival de Cinema de Berlim

Melhor Curta-Metragem no Festival de Cinema de Hong Kong

 

A curta-metragem "Balada de um Batráquio", de Leonor Teles, estreia esta quinta-feira nas salas de cinema nacionais, em complemento do filme "Todos querem o mesmo", do realizador norte-americano Richard Linklater. 

 

 

leonor teles.JPG

 

Leonor Teles nasceu em Vila Franca de Xira, em 1992. Licenciou-se em Cinema na Escola Superior de Teatro e Cinema, na Amadora, e fez o mestrado em Audiovisuais e Multimédia na Escola Superior de Comunicação Social, em Lisboa. Filha de pai de etnia cigana, as suas raízes influenciaram a sua ainda curta carreira de realizadora - apesar de não ter crescido integrada no seio de uma comunidade cigana. A sua primeira curta-metragem, "Rhoma Acans", um documentário sobre raparigas ciganas, valeu-lhe vários prémios. Com "Balada de um Batráquio", Leonor Teles tornou-se a mais jovem realizadora de sempre a conquistar o Urso de Ouro no Festival de Berlim, um dos mais importantes festivais de cinema mundiais. 

 

Filmografia:

 

Balada de um Batráquio (curta-metragem documental, 2016)

Rhoma Acans (curta-metragem documental, 2012)

 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D