Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

alma-lusa

alma-lusa

22
Mai20

CINE TV: Sei Lá (NOS Studios - 22h15)

sei lá.jpg

 

Ano: 2014

Realização: Joaquim Leitão

Argumento: Margarida Rebelo Pinto (adaptação do romance "Sei Lá" de Margarida Rebelo Pinto)

 

Elenco: Leonor Seixas, Ana Rita Clara, Patrícia Bull, Gabriela Barros, António Pedro Cerdeira, David Mora (Espanha), Rita Pereira, Pedro Granger, Renato Godinho, Paula Lobo Antunes, João Baptista, Tina Barbosa, Tiago Costa, Filipe Crawford, Duarte Grilo, Lourenço Henriques, Rui Unas, Afonso Vilela, Nuno Reis, Carlos Saltão, Tino Navarro

 

Sinopse: Madalena (Leonor Seixas) é subitamente abandonada pelo amor da sua vida, um misterioso espanhol chamado Ricardo (David Mora). Apoiada pelas suas melhores amigas, Mariana (Patrícia Bull), Catarina (Gabriela Barros) e Luísa (Ana Rita Clara), tenta reconstruir a sua vida e conhece Francisco (António Pedro Cerdeira) que tudo faz para que ela esqueça Ricardo. Mas as coisas complicam-se quando Ricardo reaparece… "Sei Lá" é um retrato das mulheres de trinta anos – dos seus sonhos, medos, dúvidas, ambições, fraquezas e preconceitos – na perspectiva de Madalena, que descobre que as pessoas raramente são aquilo que aparentam.

 

21
Mai20

Livro do escritor português João Cerqueira premiado nos EUA

A Segunda Vinda de Cristo à Terra by João Cerqueira

 

O romance "Jesus and Magdalene", do escritor português João Cerqueira, venceu o Indie Reader Discovery Awards 2020, na categoria de Humor. Criado em 2009 pela escritora norte-americana Amy Edelman, este prémio literário tem sido destacado por prestigiadas publicações como Forbes, HuffPost, Wall Street Journal, USA Today e New York Times. O prémio é patrocinado pela agência literária Dystel, Gooderich & Bourret e pelas companhias Smith Publicity, Reedsy e Featherlight. 

 

O livro premiado, que em Portugal tem o título "A segunda vinda de Cristo à Terra", fala do regresso de Jesus à Terra onde conhece a activista Madalena que luta por um mundo melhor. Jesus Cristo vê-se então envolvido em três situações de conflito: encontra um grupo ecologista radical  que pretende destruir uma plantação de milho que supõe ser geneticamente modificada; assiste à revolta dos habitantes de uma vila contra um empreendimento turístico que vai ser construído numa reserva florestal; e testemunha um conflito armado entre negros e ciganos. O protagonista irá conhecer diferentes personagens e, ao acompanhar Madalena, tentando apenas pacificar os desavindos, nem assim Cristo volta a escapar à fúria dos homens e apenas um farsante o vai reconhecer. 

 

Sobre o romance, o júri do prémio norte-americano diz ser "uma intensa e hilariante paródia da vida moderna." João Cerqueira, natural de Viana do Castelo, é licenciado e mestre em História da Arte pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto. Autor de nove livros, este é o quarto prémio literário que vence nos EUA, depois de ter sido distinguido com três galardões com um dos seus anteriores romances, "A Tragédia de Fidel Castro". 

21
Mai20

CINE TV: São Jorge (RTP1 - 01h35)

Resultado de imagem para são jorge filme

 

Ano: 2017

Realização: Marco Martins

Argumento: Marco Martins, Ricardo Adolfo

Música original: Hugo Leitão, Nuno Malo, Rafael Toral

Produção: Filmes do Tejo e Les Filmes de l'Après-Midi (França)

Locais rodagem: Bairro da Bela Vista (Setúbal), Bairro da Jamaica (Seixal)

 

Elenco: Nuno Lopes, Mariana Nunes (Brasil), David Semedo, José Raposo, Beatriz Batarda, Jean-Pierre Martins, Gonçalo Waddington, Teresa Coutinho, Adriano Luz, Carla Maciel, Ricardo Fernandes

 

Sinopse: Jorge (Nuno Lopes), boxeur, desempregado, corre o risco de perder o seu filho e a sua mulher, quando esta decide regressar ao Brasil. Em desespero, aceita trabalho numa empresa de cobranças difíceis. Ironicamente, Jorge passa a intimidar aqueles que, como ele, se vêem a braços com dívidas que não conseguem pagar. Impele-o a fé numa vida melhor para a sua família, mesmo quando se vê empurrado para um caminho de marginalidade.

 

21
Mai20

DOC TV: Campo (RTP2 - 22h55)

Campo

 

Realização: Tiago Hespanha

Direcção Fotografia: Tiago Hespanha, Rui Xavier, Luísa Homem, Cláudia Varejão, Paulo Menezes

Produção: Terratreme Filmes (João Matos, Leonor Noivo, Luísa Homem, Susana Nobre, Tiago Hespanha)

 

Sinopse: A palavra "campo" vem do latim capere (capturar). Na Antiguidade, nos arredores de Roma ficava o "Campo de Marte", o terreno onde se treinavam os soldados. Hoje, nos arredores de Lisboa, em Alcochete, fica a maior base militar da Europa. Neste campo, militares treinam missões fictícias, enquanto astrónomos observam estrelas e um rapaz toca piano para veados selvagens que espreitam à noite.

 

«Aqui vi a vida manifestar-se nas suas dimensões mais contraditórias e misteriosas. "Campo" reflecte sobre a natureza das coisas, físicas e humanas, transcendentes e mundanas, que aqui se confundem e completam.» (Tiago Hespanha)

 

Prémios: Prémio Cinelab Work in Progress - First Look - Festival de Locarno 2018 (Suíça)

Prémio Melhor Realizador para Longa-Metragem Portuguesa no IndieLisboa 2019

 

21
Mai20

TV: Os Dias da Quarentena (RTP1 - 21h05)

Os Dias da Quarentena

 

Ao arrepio do mês da Liberdade, Abril foi, em 2020, um mês de confinamento. Pela primeira vez na vida, os portugueses estiveram privados dos seus movimentos quotidianos, trancados em casa. A COVID-19 teve início na China no final de 2019, o contágio alastrou pelo mundo em pose de pandemia, a vida no planeta ficou suspensa. Lisboa fechou-se, ficou deserta e silenciosa, abriu espaço ao som dos pássaros.


Sob o Estado de Emergência, a RTP foi aos sítios onde estavam os lisboetas, a casa deles. Encontrou salas de apartamentos onde foram condensadas a empresa do pai, a escola da mãe, as aulas dos filhos. Uma equação complexa, às vezes caótica, que testa cada um.


As máscaras deixaram de ser uma estranheza, foram-se entranhando nos hábitos dos únicos locais frequentáveis: supermercados e farmácias. O frenesim do consumo parou. Os receios das grandes e das micro empresas dispararam. A angústia do desemprego voltou. Criaram-se mercados solidários, ajudas de emergência a quem deixou de ter rendimento.


Viajamos pelas dúvidas e inquietações de jovens e velhos, mais abastados e com menos rendimentos, infectados, recuperados, pela normalidade de uma vida anormal. "Os Dias da Quarentena" é um documento sobre como os lisboetas viveram o Abril do confinamento.


"Os Dias da Quarentena" é uma reportagem da jornalista Cândida Pinto, com imagem de Rui Manuel Silva, imagens de drone de Carlos Pinota e imagens adicionais de Emanuel Prezado. Com edição de Samuel Freire e grafismo de Rui Batista.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D