Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

alma-lusa

alma-lusa

19
Out18

VEJAM BEM - Simone de Oliveira: Olhos nos Olhos (RTP1 - 22h35)

Simone de Oliveira: Olhos nos Olhos

 

"Vejam Bem" retrata histórias de quem faz música contadas na primeira pessoa. Entre palavras, imagens e canções vemos biografias dos grandes músicos portugueses do nosso tempo.

 

O primeiro episódio desta "colecção" conta a história de uma figura incontornável na música portuguesa. Oitenta anos de vida e mais de seis décadas de carreira nas canções, nos palcos, nos ecrãs, fizeram de Simone de Oliveira uma presença maior na história da cultura popular portuguesa. Mulher firme, de personalidade vincada, recorda memórias de um percurso que se mantém activo, num documentário em que o presente das palavras entra em diálogo com os passados que as imagens revisitam.

 

"Simone de Oliveira: Olhos nos Olhos", um documentário de Nuno Galopim e Daniel Mota, tem por base uma conversa num local muito particular: o número 2 da Rua do Quelhas, o edifício que, nos anos 50, dava casa à Emissora Nacional e que corresponde ao lugar onde a carreira de Simone de Oliveira deu os primeiros passos.

 

Em quase uma hora de programa é a voz de Simone que nos conduz através de memórias que passam pelas canções, pelos festivais, pelos palcos, pelo cinema e por experiências que talharam uma história de vida única.

 

19
Out18

TV: Campeonato da Europa de TeamGym 2018 (RTP2 - 19 e 20 Outubro)

Ginástica - 12º Campeonato da Europa de Teamgym 2018

 

A partir do Multiusos de Odivelas, a RTP2 transmite, dias 19 e 20 de Outubro, a Final de Equipas Juniores e Séniores (Mistas, Femininas e Masculinas) do 12º Campeonato da Europa de TeamGym 2018.

 

O Campeonato da Europa de TeamGym acontece entre os dias 17 e 20 de Outubro, no Pavilhão Multiusos de Odivelas. O maior evento internacional desta disciplina reúne mais de 850 participantes ao longo dos 4 dias de competição, num total de 51 equipas em representação de 16 Países. 


Portugal vai estar representado por três equipas: Masculina e Mista no escalão Sénior e Mista no escalão Júnior. A disciplina TeamGym é realizada em equipas Masculinas, Femininas ou Mistas, compostas por 10 ginastas, sendo que cada equipa pode fazer-se acompanhar por 2 ginastas suplentes (o número máximo é de 12 ginastas por equipa). Ao longo da competição, tanto nas qualificações como nas finais, cada uma destas equipas apresenta-se em três especialidades: Solo, Tumbling e Mini Trampolim.

 

Horários Transmissões:

 

6ª, 19: 14h55 - 16h/ 16h45 - 18h10/ 18h40 - 20h15

 

sábado, 20: 11h - 12h25/ 13h - 14h25/ 14h55 - 16h25

 

18
Out18

CINE ESTREIA: "Pedro e Inês", de António Ferreira

pedro e ines.jpg

 

Realização: António Ferreira

Argumento: António Ferreira (a partir do romance "A Trança de Inês", de Rosa Lobato de Faria)

Fotografia: Paulo Castilho

Música: Luís Pedro Madeira 

Produção: Persona Non Grata Pictures, MPM Film (França), Refinaria Filmes (Brasil), Diálogos Atómicos 

Locais rodagem: Coimbra, Lousã, Cantanhede, Montemor-o-Velho

 

Elenco: Diogo Amaral, Joana de Verona, Vera Kolodzig, Cristóvão Campos, Custódia Gallego, João Lagarto, Miguel Borges, Miguel Monteiro, Nuno Nolasco, Cristina Janicas, Miguel Lança, Cláudia Carvalho, Berta Teixeira, Jorge Loureiro, João Castro Gomes, Bárbara Queirós, Alexandre Santos, João Paulo Janicas, Miguel Matos, Marta Larisch, Alexandre Fernandes, Guilherme de Bastos Lima, Eduardo Torres de Menezes, Henrique dos Santos Maneca, Marta Nogueira, Beatriz Villar, Pedro Chau, Pedro Lamas, Tiago Fernandes, António Olaio, Matilde Gaspar, Carla Martins, Carlos Dias, Filipe Eusébio, Tiago Martins, Celso Pedro, João Damasceno, Carlos Mendes, Yolanda Villar de Menezes

 

Sinopse: Inspirado na lenda de Pedro e Inês, o filme conta a história de Pedro (Diogo Amaral), um homem internado num hospital psiquiátrico por viajar de carro com o cadáver da sua amada Inês (Joana de Verona), que recorda simultaneamente as vidas de Pedro de Portugal na Idade Média, Pedro Bravo no presente e Pedro Rey num futuro distópico.

 

“…este caos que vai na minha cabeça e que tantas vezes me faz confundir o tempo com o tempo com o tempo. Viajo entre o ser e não ser, entre estar e não estar e isso deixa-me cansado, confuso, incerto. Não tenho passado nem futuro, só tenho presente e penso que essa é a minha doença.” em A Trança de Inês de Rosa Lobato de Faria

 

 

 

 

Resultado de imagem para rosa lobato faria a trança de inês  Resultado de imagem para rosa lobato faria a trança de inês

 

Rosa Lobato de Faria nasceu em Lisboa, a 20 de Abril de 1932, e na mesma cidade faleceu, a 2 de Fevereiro de 2010. Poeta e romancista, o essencial da sua poesia está reunido no volume Poemas Escolhidos e Dispersos, de 1997. O seu primeiro romance, O Pranto de Lúcifer, veio a público em 1995. A Trança de Inês, publicado em 2001, baseia-se na história de amor de Pedro e Inês, mas essa história é contada em três tempos diferentes. Publicou em vida doze romances, o último dos quais As Esquinas do Tempo. A título póstumo foi publicado Vento Suão, o último romance de Rosa Lobato de Faria e que ficou inacabado. Rosa Lobato de Faria foi também autora de vários livros infantis. Está publicada no Brasil e traduzida em Espanha, França e Alemanha. Em 2000, obteve o Prémio Máxima de Literatura. Rosa Lobato de Faria foi também compositora e actriz. 

 

 

 Resultado de imagem para antonio ferreira realizador

 

António Ferreira nasceu em Coimbra em 1970. Inicia-se profissionalmente como programador informático, profissão que viria a abandonar em 1990, quando se muda para Paris. Em 1994 ingressa na Escola Superior de Teatro e Cinema (ESTC), em Lisboa. Em 1996, muda-se para a Alemanha para estudar na Academia de Cinema e Televisão de Berlim. Em 2000, ganha notoriedade com a curta-metragem "Respirar (debaixo d’água)" que o levou até ao Festival de Cannes e com a qual ganhou vários prémios em diversos festivais internacionais. Em 2002, estreia-se na longa-metragem com "Esquece tudo o que te disse", que se tornou num dos filmes portugueses mais vistos em Portugal nesse ano. Em 2007, estreia a curta-metragem "Deus Não Quis", com a qual ganha mais de uma dezena de prémios internacionais. Em 2010, estreia a sua segunda longa-metragem, "Embargo", uma adaptação de José Saramago. Em 2011, encena a sua primeira peça de teatro, "As Lágrimas Amargas de Petra Von Kant", de Fassbinder, para o Teatro Nacional D. Maria II. Em 2012, realiza o filme "Posfácio nas Confecções Canhão", no âmbito de Guimarães Capital Europeia da Cultura. Realizou vários videoclipes de bandas e cantores portugueses, como Camané, Lúcia Moniz, Táxi, Blind Zero, Humanos, Expensive Soul e Belle Chase Hotel. É membro fundador da Academia Portuguesa de Cinema e da Associação de Produtores de Cinema e Audiovisual. Dirige actualmente a sua produtora Persona Non Grata Pictures (Portugal e Brasil), com a qual produz ficção e documentários dos mais diversos realizadores.

 

Filmografia:

 

Pedro e Inês (2018)

Posfácio nas Confecções Canhão (curta-metragem, 2012)

Embargo (2010)

Deus Não Quis (curta-metragem, 2007)

Humanos - A Vida em Variações (curta-metragem documental, 2006)

Esquece tudo o que te disse (2002)

Respirar (debaixo d'água) (curta-metragem, 2000)

 

18
Out18

DocLisboa 2018 - Festival Internacional de Cinema (18 a 28 Outubro)

Resultado de imagem para doclisboa 2018

 

http://www.doclisboa.org/2018/

 

De 18 a 28 de Outubro, a capital portuguesa recebe a 16ª edição do DocLisboa - Festival Internacional de Cinema.

 

Na sessão de abertura do DocLisboa'18 será exibido o documentário "The Waldheim Waltz", da realizadora austríaca Ruth Beckermann.

 

A presença portuguesa no DocLisboa'18 é composta por 59 filmes, dos quais se destacam os 18 seleccionados para a Competição Portuguesa, a maioria com estreia mundial no DocLisboa.

 

O DocLisboa'18 dedica a sua retrospectiva de autor ao cineasta colombiano Luis Ospina, cuja "visão atenta e bem-humorada do seu país, a sua forte paixão pelo cinema e o seu empenho na preservação do passado fazem dele uma das figuras mais importantes da história recente do cinema da América Latina”, refere a organização do festival.

Em FOCO estará a temática "Navegar o Eufrates, Viajar no Tempo do Mundo”, secção que, como refere a organização do DocLisboa, "começa na Arménia e com o primeiro filme arménio, Namus, realizado por Hamo Beknazaryan, em Junho de 1926."

 

O DocLisboa'18 decorre de 18 a 28 de Outubro em vários espaços da cidade, como a Culturgest, o Cinema São Jorge, a Cinemateca Portuguesa e o Cinema Ideal.

 

18
Out18

ESPECIAL TV: Forjado no Fogo - Recriação Falcata Lusitana (Canal História - 21h25)

Resultado de imagem para canal história falcata

 

Esta quinta-feira, o Canal História estreia novos episódios do programa norte-americano "Forjado no Fogo" mas, antes disso, irá estrear uma produção própria, chamada "Forjado no Fogo: Recriação Falcata".

 

No meio de oliveiras, perto das Caldas da Rainha, é no Lombo do Ferreiro que iremos descobrir como Carlos Norte, cuteleiro de quarta geração, e um dos responsáveis por reavivar a tradição cuteleira no Oeste, recria a Falcata Lusitana, a arma favorita de Viriato.

 

Uma espada em forma de foice que os Romanos reproduziram, tal a sua eficácia nos combates. A partir de um pedaço de aço, a magia opera e a lâmina fica dura como um diamante. Nesta peça especial, vemos como a paixão pela forja leva a uma recriação única que podia competir com as melhores armas criadas em Forjado no Fogo. Seria certamente o Carlos que Viriato teria escolhido como cuteleiro particular.

 

Carlos Norte revelará ainda curiosidades sobre a Falcata, explicando quando e como se utilizava e para que servia, e contará também como é ser ferreiro no presente, no passado e apresenta a sua visão para o futuro.

 

Resultado de imagem para canal história falcata

 

 

 

 

 

17
Out18

LETRAS LUSAS: "Os dez espelhos de Benjamin Zarco", de Richard Zimler

Os dez espelhos de Benjamin Zarco

 

Editora: Porto Editora

 

Sinopse: Benjamin Zarco e o seu primo Shelly foram os únicos membros da família a escapar ao Holocausto. Cada um à sua maneira, ambos carregam o fardo de ter sobrevivido a todos os outros. Benjamin recusa-se a falar do passado, procurando as respostas na cabala, que estuda com avidez, em busca daquilo a que chama os fios invisíveis que tudo ligam. E Shelly refugia-se numa hipersexualidade, seu único subterfúgio para calar os fantasmas que o atormentam.

Construído como um mosaico e dividido em seis peças, Os dez espelhos de Benjamin Zarco entretecem-se entre 1944, com a história de Ewa Armbruster, professora de piano cristã que arrisca a vida para esconder Benni em sua casa, e 2018, com o testemunho do filho de Benjamin acerca do manuscrito de Berequias Zarco, herança do pai, talvez a chave para compreender a razão por que Benjamin e Shelly se salvaram e o vínculo único que os une.

Um romance profundamente comovente e redentor, com personagens inesquecíveis. Uma ode à solidariedade, ao heroísmo e ao tipo de amor capaz de ultrapassar todas as barreiras, temporais e geográficas.

 

richar zimler.jpg

 

Richard Zimler nasceu em 1956 em Roslyn Heights, um subúrbio de Nova Iorque, EUA. Fez um bacharelato em Religião Comparada na Duke University e um mestrado em Jornalismo na Stanford University. Trabalhou como jornalista durante oito anos, principalmente na região de São Francisco. Em 1990 foi viver para o Porto, onde leccionou Jornalismo, primeiro na Escola Superior de Jornalismo e depois na Universidade do Porto. Tem actualmente dupla nacionalidade, norte-americana e portuguesa. Desde 1996, publicou onze romances, uma colectânea de contos e cinco livros para crianças. A sua obra encontra-se traduzida para 23 línguas.

 

17
Out18

DOC TV: A Vida num Staccato (RTP2 - 22h55)

 

Realização: Adriano Baía Nazareth

 

Sinopse: No ano em que se assinalam 30 anos da morte de Joly Braga Santos (1924 - 1988), a RTP2 estreia o filme de Adriano Baía Nazareth sobre a gravação de obras inéditas do compositor português pela Orquestra Filarmónica Real de Liverpool.

 

"A Vida num Staccato" é um documentário que nos apresenta os bastidores da gravação de oito obras inéditas de Joly Braga Santos, um dos maiores compositores portugueses de obras orquestrais, reconhecido no meio da música erudita como um grande compositor, mas cuja obra tem sido pouco divulgada.

 

O maestro Álvaro Cassuto, à frente da Orquestra Filarmónica Real de Liverpool, gravou em estreia oito obras inéditas, incluindo a primeira peça do compositor para orquestra: a Abertura Sinfónica Nº1. As Aberturas Sinfónicas Nº1 e a Nº2 partilham uma estrutura comum, com temas líricos que contrastam com o sombrio Prelúdio, escrito originalmente para uma ópera trágica. A gravação inclui ainda Quatro Miniaturas, reunidas numa atraente suite, e o seu único Concerto para piano, uma obra virtuosa com uma abordagem gloriosamente anárquica ao timbre e à tonalidade.

 

As sessões de gravação do CD, com obras inéditas de Joly Braga Santos, foram o mote para dar a conhecer a dimensão artística e humana do compositor, num documentário com depoimentos de Álvaro Cassuto (maestro), Sandra Parr (directora de planeamento artístico/RPLO), Andrew Walton (produtor), Piedade Braga Santos (historiadora), Leonor Braga Santos (violetista), Alexandre Delgado (compositor), Rui Vieira Nery (musicólogo), João Almeida (director da Antena 2) e Goran Filipec (pianista).

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D