Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

alma-lusa

alma-lusa

23
Nov11

Actores portugueses fazem sucesso no Brasil

Parece que os actores portugueses estão na moda em terras de Vera Cruz! A verdade é que, ultimamente, a presença de actores nacionais nas novelas do outro lado do Atlântico é cada vez mais frequente... neste momento, são 4 os actores portugueses que podem ser vistos, diariamente, nos ecrãs de televisão brasileiros.

 

 

O primeiro exemplo é o actor Paulo Rocha, que está a trabalhar pela primeira vez no Brasil. Paulo Rocha interpreta o personagem "Guaracy", na novela Fina Estampa exibida, todas as noites, na Globo. "Guaracy Martins" é um padeiro português (a profissão é que é muito pouco original!), filho de pai português e mãe brasileira, que, depois de ficar órfão, vai para o Brasil ao herdar a padaria de um tio. Ao que parece, o actor português tem feito muito sucesso em terras brasileiras, em especial entre as hostes femininas!

 

 

 

 
 
As tardes da Rede Globo também têm um toque português com a presença dos actores Ricardo Pereira, Marina Mota e Maria Vieira na novela Aquele Beijo. Ricardo Pereira, actor bastante conhecido no Brasil e que já interpreta personagens brasileiros, faz de "Vicente", o protagonista masculino. "Vicente" é filho de "Amália", interpretada por Marina Mota, na sua estreia no Brasil, e primo de "Brites", personagem de Maria Vieira, que participa pela segunda vez numa novela brasileira, depois de Negócio da China, também da Globo. Para Ricardo Pereira, este é o seu 8º trabalho no Brasil, depois de Como uma Onda (2004), Prova de Amor (2005), Pé na Jaca (2006), Negócio da China (2008), Toma Lá, Dá Cá (2009), A Vida Alheia (2010) e Insensato Coração (2011), actualmente em exibição na SIC. Com a novela Como uma Onda, o actor português tornou-se o primeiro estrangeiro a protagonizar uma novela brasileira.
 
 
O talento luso a dar cartas em terras brasileiras, se bem que, por vezes, os personagens portugueses pareçam demasiado estereotipados reflectindo a ideia errada que muitos brasileiros ainda têm de Portugal e dos portugueses! Pode ser que agora isso comece a mudar...
 
 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub