Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

alma-lusa

alma-lusa

01
Jan21

Carlos do Carmo (1939 - 2021)

Fadista Carlos do Carmo faleceu hoje

 

Faleceu hoje, aos 81 anos, o fadista Carlos do Carmo, um dos maiores nomes da cultura portuguesa.

 

Carlos do Carmo de Ascensão Almeida nasceu a 21 de Dezembro de 1939, em Lisboa, filho da fadista Lucília do Carmo e de Alfredo de Almeida, comerciante de livros e, mais tarde, proprietário da casa de fados O Faia. Carlos do Carmo cresceu no bairro da Bica e, aos 15 anos, foi para a Suíça, onde esteve num colégio interno durante três anos. Mais tarde, licenciou-se em Gestão Hoteleira, em Genebra.

 

De regresso a Portugal, começa a trabalhar na Companhia Nacional de Navegação e, após a morte do pai, em 1962, assume a gerência da casa de fados, uma das mais concorridas da capital. É aí que acontecem as primeiras actuações de Carlos do Carmo que, em 1964, abraça em definitivo a carreira artística e que o tornam num dos maiores nomes do fado e da cultura portuguesa. 

 

Carlos do Carmo lançou vários álbuns e cantou grandes poetas, sempre com um grande amor e cuidado com a Língua Portuguesa. É uma das maiores referências do Fado, género musical para o qual levou muitas outras influências musicais que marcaram a sua vida. São vários os temas que celebrizou, como "Os Putos", "Um Homem na Cidade", "Uma Flor de Verde Pinho", "Canoas do Tejo" ou "Lisboa, Menina e Moça", entre muitos outros.

 

Foi um dos principais e mais empenhados embaixadores da candidatura do Fado a Património Imaterial da Humanidade. Ao longo da sua carreira, recebeu vários prémios e distinções, como o grau de Comendador da Ordem do Infante D. Henrique e o grau de Grande Oficial da Ordem do Mérito. O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, anunciou que Carlos do Carmo será condecorado, a título póstumo, com a Ordem da Liberdade.

 

Em 2008, Carlos do Carmo venceu o Prémio Goya, prémios do cinema espanhol, em conjunto com o poeta Fernando Pinto do Amaral, na categoria de Melhor Canção Original, com o "Fado da Saudade", que fez parte da banda sonora do filme "Fados", do realizador espanhol Carlos Saura. 

 

Em 2014, venceu o Grammy, na categoria Lifetime Achievement, que premeia a obra de um artista e, nesse mesmo ano, recebe também o Grammy Latino de Carreira.

 

Em 2019, decide abandonar os palcos e despede-se do público com o último concerto da sua carreira, a 9 de Novembro de 2019, no Coliseu dos Recreios, em Lisboa, a cidade que tanto amava. 

 

Com o início do novo ano, Portugal perde uma das suas maiores figuras e um dos melhores intérpretes da alma nacional. A próxima segunda-feira, 4 de Janeiro, será Dia de Luto Nacional e, na terça-feira, 5 de Janeiro, Carlos do Carmo será homenageado no espectáculo de abertura da Presidência Portuguesa da União Europeia. 

 

Pág. 13/13

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub