Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

alma-lusa

alma-lusa

30
Mai12

ISTO É PORTUGAL! - Sapatos Luís Onofre

 

 

Origem: Oliveira de Azeméis

 

Depois de ter desenhado colecções de calçado para marcas tão conhecidas como a Kenzo, a Cacharel e a Daniel Hechter, o estilista Luís Onofre lançou a própria linha em 1999 e, desde então, tornou-se uma referência a nível internacional. A presença dos sapatos de Luís Onofre está consolidada em países como Dinamarca, Suécia, Noruega, França, Alemanha, Líbano, Grécia, Emirados Árabes Unidos, Israel, Canadá, EUA, Holanda e Itália.

 

(retirado do artigo 1000 Motivos do nosso Orgulho publicado na 1000ª edição da revista Notícias Magazine)

 

A primeira-dama norte-americana Michelle Obama, a princesa espanhola Letizia Ortiz, a milionária Paris Hilton e a actriz Naomi Watts já calçaram sapatos Luís Onofre.

 

http://www.lojaluisonofre.com/

http://www.lojaluisonofre.com/lon-brand

 

 

 
 
 

 

29
Mai12

Soprano portuguesa recebe prémio internacional

 

A soprano portuguesa Marina Pacheco recebeu o prémio Vladislava Starkova, a Menção Honrosa do concurso internacional Pustina's Vocal Competition, que decorreu na República Checa. No concerto de encerramento do concurso, Marina Pacheco interpretou "O luce di quest'anima", da ópera Linda di Charmounix, de G. Donizetti, e "Lippen Schweigen", da opereta "A Viúva Alegre", de F. Léhar, esta em dueto com Jakub Pustina.

 

Marina Pacheco estudou com Pedro Telles (Maiorff), José de Oliveira Lopes (ESMAE), António Salgado e Sofia Serra (UCP), tendo recebido uma bolsa do Banco Santander para a realização do mestrado. Em 2010/11, integrou o Vlamsee Operastudio (Gent, Bélgica) como bolseira da Robus Foundation e do Programa Leonardo da Vinci.

 

A soprano portuguesa, que em 2010 lançou o álbum "João Arroyo: obra integral para canto e piano" com a pianista Joana David, já recebeu prémios como o Prémio para Finalista mais Jovem no 3º Concurso Luciano Neroni (Itália, 2009), o 2º Prémio e Prémio Melhor Interpretação Canção Portuguesa no 5º Concurso de Canto Lírico da Fundação Rotária Portuguesa (Portugal, 2011).

 

 

Pág. 1/10

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D