Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

alma-lusa

alma-lusa

21
Mar19

CINE ESTREIA: "Gabriel", de Nuno Bernardo

GABRIEL.jpg

 

Realização e Argumento: Nuno Bernardo

Direcção Fotografia: Pedro Negrão

Música: Tim Janssens

Tema: "Vai" - Vado Más Ki Ás

Produção: beActive (Nuno Bernardo)

 

Elenco: Igor Regalla, José Condessa, Ana Marta Ferreira, Mina Andala, Sérgio Praia, Susana Sá, Almeno Gonçalves, Ângelo Torres, Paulo Seco, Eduardo Lima, Henriqueta Maya, Alberto Quaresma, Carlos Areia, Salvador Nery, Tiago Delfino, Bruno Ambrósio, Luís Oliveira, Ravi Fonseca, Mário Spencer, Ângela Marques

 

Sinopse: Bairro dos Olivais, Lisboa. Gabriel (Igor Regalla) é um jovem pugilista cabo-verdiano que viaja para Portugal na tentativa de encontrar o seu pai (Ângelo Torres), um antigo campeão de boxe. Nesta busca, Gabriel entra em contacto com Rui (José Condessa), membro do violento gangue local liderado por Jorge (Sérgio Praia), dono do clube de Boxe e responsável pela organização dos combates ilegais que mensalmente decorrem no bairro. Para garantir a sua protecção, e a da sua nova família, Gabriel aceita entrar num destes combates. Mas conseguirá ele deixar a honra de lado, desapontando todos os que acreditam em si?

 

 

 

 

 

Resultado de imagem para nuno bernardo

 

 

Nuno Bernardo nasceu em Vila do Conde, em 1974. É argumentista, realizador e produtor. Em 2003, fundou a beActive Entertainment, que produz conteúdos interactivos, filmes e séries para o mercado nacional e também para diversos mercados internacionais. Realizou a série "Os Jogadores", transmitida na RTP1 em 2016, e a websérie "Amnésia", que pôde ser vista na RTP Play em 2017, e cujos direitos foram, recentemente, licenciados para os mercados dos EUA e do Canadá. "Gabriel" é o quinto filme produzido pela beActive e a primeira longa-metragem realizada por Nuno Bernardo. 

 

Filmografia:

 

Gabriel (2019)

The Family Way (curta-metragem, 2017/Irlanda)

 

21
Mar19

CINE ESTREIA: "O Homem-Pikante - Diálogos kom Pimenta", de Edgar Pêra

homem pikante.jpg

 

Realização e Argumento: Edgar Pêra

Poemas, Performances e Leituras: Alberto Pimenta

Música: Artur Cyaneto, Jorge Prendas, João Lima, André Louro

Produção: Bando à Parte (Rodrigo Areias)

 

Com: Alberto Pimenta

Elenco: Maria Emília Castanheira, Miguel Borges, Marina Albuquerque, Ana Borralho, Rita Só, Olho Gang

 

Sinopse: Um documentário que celebra a obra de Alberto Pimenta, autor de uma vasta obra poética e performática. O ponto de partida desta curta-metragem são os arquivos, filmados por Edgar Pêra entre 1994 e 2018, de performances, conversas e leituras de Pimenta.

 

"Um sorriso é mais barato que a electricidade e dá mais luz à mocidade."


"O Homem-Pykante – Diálogos kom Pimenta" não é um documentário de homenagem, é um filme poético de celebração da obra de Alberto Pimenta, fruto de uma amizade e cumplicidade mantidas ao longo dos últimos 24 anos. Pimenta é um artista, "que se considera um «tolerado», no mesmíssimo sentido do termo administrativo com que eram designadas as prostitutas em Portugal até cerca de meados do século XX", como um dia escreveu. Alberto Pimenta, que divide os poetas em "tolerados" e "tolerantes", é autor de uma vasta obra poética e performática insubmissa e desafiante. O ponto de partida deste filme são os arquivos, filmados por Edgar Pêra entre 1994 e 2018, de performances, conversas e leituras de Alberto Pimenta, material cinético que foi depois objecto de pré-selecção pelo poeta Manuel Rodrigues e posteriormente montado por Pêra. "O Homem-Pykante – Diálogos kom Pimenta" é um dos (muitos) resultados possíveis. 

 

 

 

edgar pera 3.jpg

 

 

Edgar Pêra nasceu a 19 de Novembro de 1960, em Lisboa. Ingressou na Escola de Cinema do Conservatório Nacional (actual Escola Superior de Teatro e Cinema) em 1980, especializando-se na área de montagem. Realizador de filmes neuro-punks e telediscos e autor de Banda Desenhada, estreou em 1990 no Fantasporto a sua primeira curta-metragem - Reproduta Interdita. Edgar Pêra já fez mais de 100 filmes para cinema, televisão, teatro, dança, cine-concertos, galerias, Internet e outros meios. 

 

 

Filmografia:

 

O Homem-Pikante - Diálogos kom Pimenta (documentário, 2019)

Delírio em Las Vedras (2017)

O Espectador Espantado (documentário, 2016)

Lisbon Revisited (documentário, 2016)

A Caverna (curta-metragem, 2015)

Virados do Avesso (2014)

3x3D (segmento "CineSapiens") (2013)

CineSapiens (curta-metragem, 2013)

One Way or Another, Reflections of a Psycho Killer (curta-metragem, 2012)

O Barão (2011)

Crime Abismo Azul Remorso Físico (curta-metragem, 2009)

Rio Turvo (2007)

Arquitectura Documental (curta-metragem documental, 2007)

Punk Is Not Daddy (2007)

Movimentos Perpétuos: Cine-Tributo a Carlos Paredes (documentário, 2006)

És a Nossa Fé (curta-metragem, 2004)

Sudwestern (2004)

Os Homens-Toupeira (2003)

88 (telefilme, 2002)

O Homem-Teatro (2001)

A Janela (Maryalva Mix) (2001)

25 de Abril - Uma Aventura para a Demokracya (curta-metragem documental, 2000)

Lisboa-boa 345DT (curta-metragem, 2000)

Esquinas Agudas (curta-metragem, 1999)

Portugal Ilimitado (curta-metragem, 1998)

A Janela não é a Paisagem (1997)

A Konspiração dos Mil Tímpanos (1996)

Os Túneis da Realidade (curta-metragem, 1996)

O Dia do Músico (curta-metragem, 1996)

O Mundo Desbotado (curta-metragem, 1995)

Visões! Equações! Radiações! (1995)

Manual de Evasão (1994)

SWK4 (curta-metragem, 1993)

A Cidade de Cassiano (curta-metragem documental, 1991)

Matadouro (curta-metragem, 1991)

Reproduta Interdita (curta-metragem, 1990)

21
Mar19

REPORTV - Vamos à bola com elas (Sport TV+ - 22h55)

A imagem pode conter: estádio

 

O Benfica apostou no futebol feminino e criou um gigante que só sabe ganhar. Goleadas atrás de goleadas, quase 400 golos marcados e o Jamor cada vez mais perto. Esta é a prova de que o futebol também é para elas. Esta é a história de uma equipa que só sabe esmagar e que se propõe a chegar ao topo da Europa. Uma viagem aos bastidores e às rotinas das invencíveis águias da Luz.

21
Mar19

GRANDE REPORTAGEM - Etiópia: Circo, Política, Pão (Jornal da Noite, SIC - 20h00)

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e texto

 

Na Etiópia, o único país africano que nunca foi colonizado, a resistência fez cair uma ditadura de 27 anos. Os presos políticos foram libertados e a imprensa voltou a ser livre. Metade dos cargos do novo governo são ocupados por mulheres. Para a mudança foi fundamental a intervenção de uma portuguesa que os etíopes homenageiam nas ruas.

 

Passaram 16 anos desde o dia em que o jornalista etíope Addisalem viu as filhas e a mulher, natural da Eritreia, pela última vez. A guerra entre os vizinhos do corno de África separou centenas de famílias dos dois lados da fronteira. Durante quase duas décadas não havia ligações aéreas, comunicações telefónicas ou correspondência postal entre os dois países. As hostilidades só terminaram em Abril de 2018 com a chegada ao poder do novo Primeiro-Ministro etíope, o reformista Abiy Ahmed, de 42 anos, que se arrisca a ficar na História como o homem que conduziu a Etiópia à Democracia pela primeira vez na História milenar do país. 

 

Durante os últimos 27 anos, a Etiópia suportou uma das autocracias africanas mais repressivas. Activistas, resistência armada e desobediência civil foram fundamentais para fazer ruir o regime. Mas a mudança fica também a dever-se a uma voz portuguesa que, durante anos, denunciou a brutalidade do regime. A eurodeputada Ana Gomes é uma figura reconhecida e adorada na Etiópia. No país há agora várias raparigas chamadas... Ana Gomes.

 

A Grande Reportagem: "Etiópia - Circo, Política e Pão" é uma viagem ao país berço da humanidade, pela mão de um dos poucos projectos sociais que sobreviveram à ditadura: o circo Fekat. Para ver esta quinta-feira, no Jornal da Noite, da SIC. 

 

 
20
Mar19

MINI LETRAS LUSAS: "Como Cozinhar uma Criança", de Afonso Cruz

 

 

Editora: Alfaguara

 

Sinopse: Do premiado autor Afonso Cruz, uma história para desafiar o palato de pequenos e grandes leitores. Junta os melhores ingredientes, traz panelas e tachos, frigideiras e grelhadores, chapéu de cozinheiro, colheres de pau e avental, e muitas especiarias, porque vamos aprender a cozinhar uma criança. Al dente!

 

afonso cruz.gif

 

Afonso Cruz nasceu em 1971, na Figueira da Foz, e viria a frequentar mais tarde a Escola António Arroio, em Lisboa, e a Escola Superior de Belas Artes de Lisboa, assim como o Instituto Superior de Artes Plásticas da Madeira e mais de cinquenta países de todo o mundo. Além de escritor, é também ilustrador, cineasta e músico da banda The Soaked Lamb. Já conquistou vários prémios: Grande Prémio de Conto Camilo Castelo Branco 2010, Prémio Literário Maria Rosa Colaço 2009, Prémio da União Europeia para a Literatura 2012, Prémio Autores 2011 SPA/RTP; Menção Especial do Prémio Nacional de Ilustração 2011, Lista de Honra do IBBY – Internacional Board on Books for Young People, Prémio Ler/Booktailors – Melhor Ilustração Original, Melhor Livro do Ano da Time Out 2012, foi finalista dos prémios Fernando Namora e Grande Prémio de Romance e Novela APE e conquistou o Prémio Autores para Melhor Ficção Narrativa, atribuído pela SPA em 2014.

20
Mar19

MAR DE LETRAS - José Pedro Monteiro (RTP África - 21h30)

José Pedro Monteiro

 

As origens familiares africanas despertaram-lhe o interesse, mas foi o gosto pela História que levou José Pedro Monteiro a enveredar pela investigação das questões relacionadas com o trabalho colonial. O livro "Portugal e a Questão do Trabalho Forçado - Um Império sob escrutínio (1944-1962)" é o mote para a conversa no "Mar de Letras" desta semana.

 

Resultado de imagem para portugal e a questão do trabalho forçado

20
Mar19

QUALIFICAÇÃO EURO SUB-19: Portugal x Chipre (RTP1 - 16h15)

Futebol: Seleção Sub-19 Portugal x Chipre

 

Esta quarta-feira, a Selecção Nacional sub-19 inicia a fase de qualificação para o Campeonato Europeu de Futebol, que se disputará em Julho, na Arménia. Em 2018, Portugal sagrou-se, pela primeira vez, Campeão Europeu de Futebol sub-19.

 

A Equipa das Quinas está inserida no Grupo 6 da Ronda de Elite de qualificação para o Euro 2019 do qual fazem também parte as congéneres da Escócia, Turquia e Chipre. Os encontros vão disputar-se em Portugal, entre 20 e 26 de Março. O primeiro jogo será frente ao Chipre.

 

O jogo Portugal x Chipre disputa-se no Estádio Cidade de Barcelos, tem início às 16h15 e será transmitido na RTP1.

 

FORÇA, PORTUGAL!!!

19
Mar19

VISITA GUIADA - Museu Nacional da Música (Lisboa)

Onze peças classificadas como Tesouro Nacional e outras em fase de classificação. As excelentes colecções do Museu Nacional da Música (MNM) ultrapassam em muito os instrumentos musicais que podemos observar expostos. Há ainda a colecção documental (que integra o original de "A Portuguesa", o Hino Nacional composto por Alfredo Keil), a colecção fotográfica, a de gravuras, a de fonogramas, etc. O MNM apresenta ainda a curiosidade de estar instalado numa estação de metropolitano de Lisboa. Uma visita guiada por Graça Mendes Pinto, a directora do museu; por Susana Caldeira, uma conservadora-restauradora com uma relevante carreira em museus da música que são referências internacionais e por dois músicos de excepção que tocam para nós em instrumentos históricos da colecção do MNM: Pavel Gomziakov, no violoncelo Stradivarius de D. Luís, e José Carlos Araújo, no Cravo Antunes, instrumento único no mundo.

 

 

 

19
Mar19

DOC TV: À Procura de António Botto (RTP2 - 23h25)

À Procura de António Botto

 

Realização: Cristina Ferreira Gomes

Autoria: Margarida Almeida Bastos

Produção: Mares do Sul (Ellen Igersheimer)

 

Sinopse: Documentário de Cristina Ferreira Gomes sobre a obra de António Botto (1897 - 1959), autor fundamental da literatura portuguesa que escreveu sobre amor e desejo homossexual.

 

Escritor "maldito", António Botto criou uma obra considerada controversa. "Canções", o seu livro mais conhecido, foi editado por Fernando Pessoa, mas acabou por ser retirado das livrarias e apreendido. 


O documentário, filmado entre Portugal e Brasil, parte em busca da vida e obra deste autor fundamental da literatura portuguesa que cultivou,  de forma subtil, mas explícita e desembaraçada, a expressão homoerótica.

 

Apesar da homossexualidade, Botto viveu em união de facto com Carminda Rodrigues, viúva nove anos mais velha que ele, companheira fiel e dedicada, que nunca o abandonaria. O poeta exilou-se no Brasil, depois de ter sido despedido do seu emprego de escriturário no Arquivo de Identificação, em 1942. Morreu no Rio de Janeiro, em 1959, atropelado por um camião em Copacabana, com 61 anos.

 

 

 

 

18
Mar19

NOVO ÁLBUM: "Gaspar" - Gaspar Varela

Resultado de imagem para gaspar album

 

Gaspar Varela é bisneto da fadista Celeste Rodrigues (1923 - 2018). Com apenas 15 anos, é considerado uma revelação da guitarra portuguesa e lança agora o seu primeiro álbum, "Gaspar". Constituído por 12 composições de vários autores, como Carlos Paredes, Jan Tisky, José Nunes e Jaime Santos, este álbum conta também com uma faixa original, "Lisboetas", feita por Gaspar e pelo seu irmão, Sebastião Varela.

 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D