Sexta-feira, 30 de Outubro de 2015

retiro.jpg

 

A nova aventura de Rodrigo Leão carrega toda a ambição que o músico nunca escondeu possuir: uma ambição que lhe permitiu abraçar o mundo e projectos artisticamente muito complexos. Desta vez, há um encontro com a Orquestra Gulbenkian, cujos cerca de 100 músicos, incluindo o coro, são dirigidos pelo maestro Rui Pinheiro. Este encontro com a Orquestra & Coro Gulbenkian tem também a participação do ensemble que, normalmente, acompanha Rodrigo Leão: o quarteto de cordas formado por Carlos Tony Gomes, Bruno Silva, Denys Stetsenko e Viviena Tupikova e ainda Celina da Piedade no acordeão e Selma Uamusse na voz.


Este trabalho chega às lojas esta sexta-feira e é o corolário de um longo percurso e de muito trabalho que também se traduzirá em três aguardados concertos com a Orquestra & Coro Gulbenkian no próximo mês de Novembro – dia 18 no Coliseu do Porto e dias 20 e 21 no Coliseu dos Recreios, em Lisboa. 

 



publicado por Alma Lusa às 16:57
Sexta-feira, 30 de Outubro de 2015

joias goa.jpg

 

 

Sinopse: Goa, Maio de 1956. Enquanto se dança o mandó, adivinha-se o fim do império português do Oriente. O assassínio de um inglês que roubou as jóias de um marajá e que tem guardado um misterioso quadro com a imagem de São Francisco Xavier acaba com a paz aparente em que todos vivem. Damasceno Alves, no meio do seu negócio de tráfico de ouro para a Índia, envolve-se numa misteriosa aventura onde se cruzam o amor e a ambição, o sonho e os pesadelos, o desejo e a ganância. Entre agentes da PIDE e defensores da integração de Goa na Índia, as jóias exercem uma atracção mortal. Ao mesmo tempo, entre Goa e Bombaim, Tania Savinkov e Yasmin, duas mulheres com interesses muito diferentes, cruzam-se na vida de Damasceno Alves. Corajosas, leais e irresistíveis, também elas lutam pelo seu destino. Numa Goa decadente e fascinante, todos querem saber onde estão as jóias do marajá, enquanto procuram esconder os próprios segredos.
 
 
 
 

Fernando Sobral é um escritor e jornalista natural do Barreiro. Escreve ficção e não ficção. Viaja por Lisboa em busca de mistérios. Percorre a História para encontrar memórias perdidas. O resultado está em romances como "Na Pista da Dança", "Ela Cantava Fados", "O Navio do Ópio", "L.Ville" ou "O Segredo do Hidroavião". E em obras de carácter político, histórico e económico como "Os Anos Sócrates". Escreveu, em co-autoria, "Os Mais Poderosos da Economia Portuguesa", "A Teia do Poder", "Alfredo da Silva, a CUF e o Barreiro" ou "Barings, a História do Banco Britânico que Salvou Portugal". Começou no «DN/Jovem», suplemento do Diário de Notícias, e integrou as equipas do Semanário, Blitz, Se7e, Independente e Diário Económico. Trabalhou em rádio e, na televisão, colaborou em diversos projectos como «Escrita em Dia», na SIC, e «Ler para Crer» e «Primeira Página», na RTP. Escreve no Jornal de Negócios as colunas «O Pulo do Gato» e «Oriente». Colabora também no Correio da Manhã e no Ponto Final (Macau).



publicado por Alma Lusa às 16:41
Sexta-feira, 30 de Outubro de 2015

virados avesso.jpg

 

Ano: 2014

Realização: Edgar Pêra

Argumento: Henrique Dias, Frederico Pombares, Roberto Pereira

Elenco: Diogo Morgado, Jorge Corrula, Diana Monteiro, Nicolau Breyner, Marina Albuquerque, Nuno Melo, Rui Melo, Philippe Leroux, Álvaro Faria, Isabel Medina, Melânia Gomes, Miguel Borges, Rui Unas, Marco Paiva, José Wallenstein, Miguel Partidário, Vanessa Ferreira, Miguel Pereira

Participação especial: Anselmo Ralph (Angola), Bárbara Guimarães

 

Sinopse: João é um célebre escritor a atravessar uma enorme crise de criatividade. Também a sua vida afectiva vive momentos de dúvida. Um acontecimento muito invulgar fez com que João acordasse um dia sem saber se a pessoa que tem a seu lado na cama é aquela com quer continuar a partilhar a vida. João decide afastar-se e, livre de compromissos, assume-se como um verdadeiro solteiro folião. Quem vai aproveitar este desvio é Isabel, a escritora rival de João. Isabel só precisava de um deslize para, com a sua falta de escrúpulos, pisar João e ficar em vantagem. Conseguirá João recuperar a inspiração para terminar o seu livro? E se a única forma de o acabar for com a ajuda da sua família e do amor que deixou em standby?

 

 



publicado por Alma Lusa às 14:38
Sexta-feira, 30 de Outubro de 2015

missao possivel.gif

 

Esta é a história inspiradora de 5 amigos que se juntaram para ajudar os refugiados quando viram a foto de Aylan Kurdi, a criança que morreu afogada numa praia da Turquia. Tinham a ideia romântica de conduzir eles próprios as carrinhas cheias de caixotes com roupas, comida e brinquedos mas, em poucos dias, com a ajuda das redes sociais, esta transformou-se na única resposta portuguesa à crise dos refugiados.

 

As carrinhas transformaram-se em camiões TIR, os caixotes em paletes de 66 toneladas e, de cinco, os voluntários passaram a ser centenas de portugueses de norte a sul do País. Uma história real, contada na primeira pessoa e à qual ninguém consegue ficar indiferente!

 

Uma reportagem de Alexandra Borges com imagem de Tiago Donato e montagem de João Pedro Ferreira para ver, este domingo, no Jornal das 8, da TVI, com início às 20h00.

 



publicado por Alma Lusa às 14:25
Sexta-feira, 30 de Outubro de 2015

RTP1 - Sociedade Recreativa - estreia

 

Muda o nome. O "Só Visto!" dá lugar à "Sociedade Recreativa", recuperando desta forma o sentido daquele lugar onde todos se encontravam ao fim do dia de trabalho. O novo nome traz portanto uma certeza maior de que este é o programa que mostra os eventos, as estreias e as festas, o lado social, sim, mas sem perder de vista o valor "trabalho" dos seus protagonistas. As criações e as conquistas de quem revela talento na sua área de actividade. O formato mantém-se como magazine de actualidade, com Sílvia Alberto no comando da entrevista central a um convidado de prestígio, um protagonista da actualidade ou uma figura nacional ou internacional de méritos reconhecidos. As reportagens e rubricas estão a cargo das repórteres Rita De La Rochezoire, Teresa Peres e Jani Gabriel. É pela mão delas que ficaremos a par das novidades nas mais diversas áreas - teatro, música, moda, cinema, desporto, solidariedade - e também, com especial destaque, no universo RTP. Temos lugar reservado na plateia das principais salas do País, nos bastidores da ficção nacional e dos programas mais acarinhados pelos telespectadores da estação.

 

É no palco, um dos sítios onde mais gosta de estar, que José Pedro Gomes recebe Sílvia Alberto para a estreia da "Sociedade Recreativa". O palco é o do Auditório dos Oceanos do Casino Lisboa, onde o actor tem em cena a peça "Nome Próprio". Numa fase em que o palco e o teatro têm cada vez mais importância no seu percurso, José Pedro Gomes abre o livro da sua vida, fala com paixão dos seus novos colegas de aventuras teatrais, fala com saudades de António Feio, fala com amor da sua mulher e dos seus filhos. Uma entrevista a não perder.


Na "Sociedade Recreativa" mostram-se os bastidores do grande concerto que o mentor do "The Voice Portugal" Mickael Carreira deu no Meo Arena. O programa acompanhou os ensaios, os preparativos e os momentos altos de um espectáculo que os fãs do cantor e do The Voice Portugal não vão esquecer.


Domingo será também dia de voltarmos à casa de "Nelo & Idália" para visitar a família do casal e será dia do regresso do Favores em Cadeia - esta semana com Diogo Valsassina. 

 

Domingos, às 14h25, na RTP1.

 

Sociedade-Recreativa-750x422.png



publicado por Alma Lusa às 14:16
Sexta-feira, 30 de Outubro de 2015

show me lisbon.jpg

 

Sinopse: O documentário "Show me Lisbon" apresenta Lisboa segundo a perspectiva de um grupo de conterrâneos e de apaixonados por Lisboa, de áreas diferentes da vida da cidade. Cada um dos entrevistados explica a sua ligação ao lugar ou faceta da cidade, revela os seus lugares preferidos e partilha os seus segredos e histórias em Lisboa. "Show me Lisbon" explora o sentido de exclusividade e intimidade e, em conjunto, estes testemunhos traçam um retrato real e integrado da cidade, permitindo expor muito melhor a sua vibração a quem vem de fora. "Show me Lisbon" é ainda um espelho de Lisboa que reflecte a sua estética e espírito junto dos lisboetas. Quem mostra a sua Lisboa? A artista plástica Joana Vasconcelos, o músico Rodrigo Leão, a fadista Carminho, o street artist Vhils e o historiador José Sarmento Matos, mas também os amoladores de facas, as peixeiras e os pescadores, as velhas de Alfama, os cantores dos Santos Populares, que irão mostrar a Lisboa mais bairrista. "Show me Lisbon" é o primeiro documentário sobre a cidade com a capacidade de ilustrar o lado mais actual e cosmopolita, associado ao bairrismo e à faceta mais popular de Lisboa.

 



publicado por Alma Lusa às 14:06
Sexta-feira, 30 de Outubro de 2015

8816-versos-1140x641.jpg

 

Realização: Sofia Marques

Produção: Roughcut

 

Sinopse: O actor António Fonseca resolveu abraçar um projecto inusitado: decorar integralmente "Os Lusíadas", de Luís Vaz de Camões. Desde 2008 que prossegue esse propósito, culminando numa apresentação pública integral da obra no dia 10 de Junho de 2012, em Guimarães, Capital Europeia da Cultura. Este documentário acompanha o ano que antecede essa apresentação final.

 



publicado por Alma Lusa às 13:05
Sexta-feira, 30 de Outubro de 2015

Logo-Loule-Cup.jpg

 

 

Tendo como palco a cidade de Loulé, Cidade Europeia do Desporto 2015, Portugal volta a receber mais uma edição da Taça do Mundo de Ginástica de Trampolins.

 

A 30 e 31 de Outubro, a cidade algarvia recebe a 10ª edição da competição internacional de Trampolim, Duplo Mini Trampolim e Tumbling Loulé Cup 2015 em conjunto com a organização da 6ª Loulé World Cup - Cat. A. 

 

No sábado, dia 31 de outubro, a RTP2 transmite em directo a Taça do Mundo de Ginástica Trampolins, integrada no programa "Desporto 2", transmitido entre as 14h55 e as 20h05.



publicado por Alma Lusa às 12:49
Quinta-feira, 29 de Outubro de 2015

sociedade civil.jpg

 

A Sétima Arte encantou as pessoas desde a época da sua criação, no final do século XIX. Portugal não foi diferente... Comédias, História, fait-divers e dramas, levaram os portugueses às salas de cinema ver o que de melhor se faz em Portugal. No próximo Sociedade Civil vamos olhar para o cinema português...

 

O mesmo Sociedade Civil de sempre, agora com imagem renovada e com a apresentação de Luís Castro que modera as participações dos vários parceiros em cada emissão.

 



publicado por Alma Lusa às 18:40
Quinta-feira, 29 de Outubro de 2015

é pra rir.jpg

 

Realização: Paulo Seabra

Argumento: José Mendes

 

Sinopse: Com uma história longa de 160 anos, o Teatro de Revista, desde o início, conquistou o estatuto do mais popular género de espectáculo do país.


É um formato abrangente, onde tudo cabe: a representação, a música, a dança ou a fantasia. De maneira aberta ou nas entrelinhas, conforme os ditames da política e dos seus devaneios de censura, a revista denunciou e criticou as "coisas da nação" fazendo rir e dando a pensar. E ainda hoje o faz. Mas até que ponto a degradação física do Parque Mayer (o seu lugar de eleição que já festejou 93 anos) reflecte o declínio ruinoso do teatro de revista? E o que é preciso para fazer uma grande revista nos dias de hoje?


"É P'ra Rir! O que é feito do Teatro de Revista?" é um inquérito em forma de documentário no qual figuras como Francisco Nicholson, Fernando Mendes, José Raposo, Marina Mota, Maria João Abreu e o jovem Flávio Gil põem os pontos nos is sobre como o passado pesa sobre a revista de hoje como um fantasma.


Enquanto pelo país fora as sociedades recreativas continuam a manter vivo o género em regime amador, mas com um entusiasmo contagiante, a revista divide-se agora entre procurar novos caminhos ou deixar-se ficar onde está. E pode viver o tempo que durar a alma de um povo se conseguir fazer mais do que dar à perna dignamente para não estrebuchar moribunda.

 



publicado por Alma Lusa às 18:29
Outubro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11

18

25
31


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO