Sábado, 15 de Novembro de 2014

7-PECADOS-RURAIS_PR.png

 

 

Ano: 2013

Realização: Nicolau Breyner

Elenco: João Paulo Rodrigues, Pedro Alves, Melânia Gomes, Alda Gomes, Patrícia Tavares, José Raposo, Nicolau Breyner, Cátia Nunes, Quim Barreiros, Paulo Futre

 

Sinopse: Quim e Zé vão buscar duas primas afastadas de Lisboa, que pretendem reviver o Verão louco de há dois anos em Curral de Moinas, mas esbardalham-se fatalmente num rebanho de ovelhas. Quando chegam ao Céu, Deus oferece-lhes uma segunda oportunidade de voltar a Curral de Moinas. Terão de lhe provar que abdicarão de uma vida amoral e libertina, renunciando aos sete pecados capitais: luxúria, gula, ira, inveja, avareza, soberba e preguiça. Isto, por si, já seria um desafio quase impossível mas, para tornar tudo mais animado, cada vez que Quim e Zé vacilam perante o pecado são chamados "lá acima" ou vem Deus "cá abaixo". Será que Quim e Zé resistem à avalanche de tentações que lhes são oferecidas?

 



publicado por Alma Lusa às 20:40

 

PONTES DE SARAJEVO.jpg

 

Direcção artística: Jean-Michel Frodon (França)

 

Realização: Kamen Kalev (Bulgária), Vladimir Perisic (Sérvia), Leonardo Di Constanzo (Itália), Angela Schanelec (Alemanha), Cristi Puiu (Roménia), Jean-Luc Godard (França), Sergei Loznitsa (Ucrânia), Marc Recha (Espanha), Aida Begic (Bósnia-Herzegovina), Teresa Villaverde (Portugal), Vincenzo Marra (Itália), Isilde Le Besco (França), Ursula Meier (Suíça)

 

Animação dos separadores: Luís da Matta Almeida (Portugal)

 

 

Sinopse: A propósito do centenário da I Guerra Mundial, 13 realizadores europeus exploram o tema de Sarajevo: o que a cidade representou na história europeia durante o último século e o que ela representa na Europa actual. Estes eminentes autores do cinema contemporâneo, de gerações e origens diferentes, propõem visões e estilos singulares sobre a cidade, o velho continente, os fantasmas do passado e o seu reflexo no presente.

 

Em 1914, o Arquiduque austro-húngaro Francisco Fernando foi assassinado em Sarajevo, capital da Bósnia-Herzegovina, acontecimento que despoletaria a I Guerra Mundial. A Bósnia foi integrada na Jugoslávia e, com o desmembramento desta, viria a ser um dos palcos mais sangrentos do conflito dos Balcãs.

 

"Pontes de Sarajevo" é constituído por 13 curtas-metragens, sendo uma delas realizada pela portuguesa Teresa Villaverde. "Sara e a sua Mãe", da realizadora lusa, reflecte sobre a cultura na cidade de Sarajevo que, depois da catástrofe da guerra, vive a desilusão do pós-guerra. A cultura é a alma e a esperança. Há ainda outra marca portuguesa neste filme: as animações dos separadores entre as curtas-metragens foram realizadas por Luís da Matta Almeida.

 

Teresa Villaverde

 



publicado por Alma Lusa às 15:15
Novembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14

16
22

23

30


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO